fbpx

Material Gratuito

Como Diferenciar Ditongo e Dígrafo

Aprenda português de forma objetiva

Pegadinha de muitas provas de concursos públicos, vou explicar a diferença entre dígrafos e ditongos em relação às sequências “gu” e “qu”.

Dígrafos:

GU como dígrafo: Em palavras como “guerra” e “guia,” a sequência “gu” forma um dígrafo, onde as duas letras representam um único som, o som da letra “g” seguido do som da letra “u.” O “u” não é pronunciado separadamente, e a combinação “gu” produz um único som, como o “g” em “gato” ou “gente.”

QU como dígrafo: Em palavras como “quente” e “quatro,” a sequência “qu” também forma um dígrafo. O “q” é sempre seguido de “u” em palavras que começam com “qu” em português. O “u” não é pronunciado separadamente, e a combinação “qu” produz um único som, como o “k” em “quarto” ou “quilo.”



GU como ditongo: Em palavras como “água” e “linguagem,” a sequência “gua” forma um ditongo. Nesse caso, o “u” e o “a” estão em uma mesma sílaba e são pronunciados juntos como um único som, como no “ua” em “lua.”

QU como ditongo: Em palavras como “antiquado” e “adequado,” a sequência “qua” forma um ditongo. Assim como no caso de “gua,” o “u” e o “a” estão na mesma sílaba e são pronunciados juntos, formando um único som, como no “ua” em “quadro.”

Portanto, a diferença principal entre dígrafos e ditongos está na forma como as letras “g” e “u” (ou “q” e “u”) se combinam e se pronunciam em uma palavra. Nos dígrafos, “g” e “u” (ou “q” e “u”) formam um som único, enquanto nos ditongos, eles são pronunciados juntos na mesma sílaba, mas cada letra mantém seu som.

Está gostando do conteúdo? Compartilhe

APRENDA A MATÉRIA MAIS ESSENCIAL DA GRAMÁTICA

Semana da Morfologia

Abrir bate-papo
Olá
Quero ajudar você!